terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Entrevista com Christian Gama, criador de itens de papel sobre o futebol

Christian Gama, 44 anos, morador da cidade fluminense de Belford Roxo é um artista plástico muito talentoso. Até aqui não teria o porquê de nós batermos um papo com ele. Porém, a arte dele é sobre uma inspiração que tem desde criança: o futebol. E, ultimamente, com seu trabalho, deu um jeito de ser solidário à maior tristeza do futebol mundial. Acompanhe o bate-papo com Christian.

Pôster Campeão: Christian, com quantos anos começou a trabalhar com a arte paper e quem foram seus maiores incentivadores?
Christian Gama: Desde muito pequeno fui pegando gosto pela arte em papel. Meus grandes incentivadores foram meus avô e pai. Meu avô, o Seu Gama, me ensinou a amar o futebol e a desenhar, já que ele era desenhista. Meu pai me apresentou a arte em papel.

PC: Qual foi a primeira obra que fez em papel?
CG: Foi a camisa de futebol em papel, que registrei como Shirtpaper.

Shirtpaper da Chapecoense campeã da Sul-Americana 2016.
Fonte: Acervo Pessoal
PC: Onde começou a divulgar seu trabalho? E qual foi a primeira divulgação na mídia?
CG: Meu site pessoal (www.christiangama.com.br) é o principal meio em que divulgo meus trabalhos. E foi por aí que começou a se popularizar, e através disto o site Globoesporte.com publicou um artigo sobre a arte paper. Depois vieram outros sites, como o UOL Esporte, canais de TV abertas e por assinatura, revista Placar, entre outras. Todos os meios que divulgaram meu trabalhos estão em exposição em meu site.

PC: Além das já citadas Shirtpapers, quais são suas outras obras? Todas são dedicadas exclusivamente ao futebol, ou tem produtos relacionados à outros temas?
CG: Além das Shirtpapers (camisas 3D em papel) produzo minicraques, bolas, estádios, cards e mais recentemente lancei os troféus em papel. Os troféus são de competições antigas e atuais. Além do futebol, tenho produtos relacionados com outros esportes, como a NBA (liga de basquetes dos EUA), e também com cantores famosos.

Christian e as minitaças.
Fonte: Acervo Pessoal
PC: Com o trágico acidente ocorrido no final de novembro com o avião que levava a equipe da Chapecoense, jornalistas, dirigentes, entre outros, você teve uma bela atitude, conte-nos mais sobre seu ato.
CG: Fiquei muito triste com o ocorrido. Me chocou demais. Queria muito ajudar os familiares das vítimas do voo da LaMia. Então, através da minha arte, encontrei um meio de como ajudar. Fiz minicraques dos jogadores e jornalistas que se foram e a Arena Condá. Pretendo entregar os minijogadores aos familiares como forma de homenagem.

A belíssima reprodução da Arena Condá.
Fonte: Acervo Pessoal
PC: Você venderá estes minicraques?
CG: No começo não queria vendê-los, pois estas peças eram para ser um meio de homenagear apenas as famílias das vítimas do acidente. Porém, muitos colecionadores e amigos, através do site, falaram que não disponibilizá-los ao público geral seria uma atitude egoísta da minha parte. Então tive a ideia de doar a grande parte do valor arrecadado com a venda dos minicraques para os familiares (a Arena Condá não será vendida). Quero ajudá-los a amenizar a dor de alguma forma, mesmo que seja com pouco.

Minicraques em homenagem às vítimas do voo da LaMia.
Fonte: Acervo Pessoal
PC: Quais seus seu projetos futuros? Onde espera que seu trabalho chegue em um futuro próximo?
CG: Pretendo aumentar as exposições que faço com minhas obras, principalmente pelo mundo afora, e tenho o sonho de viver somente da minha arte. Além disso, espero conseguir mais incentivo através de patrocínios. Meu site atualmente tem em média mil visualizações diárias e conto com o apoio de apenas uma empresa. Quero criar um mundo encantado sobre o futebol através da arte.

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Pôster Real Madrid Pentacampeão Mundial 2016

Disputada em solo japonês, a Copa do Mundo de Clubes da Fifa junta os melhores clubes do mundo desde o ano 2000. O Real Madrid jogou o mundial por ter vencido a Liga dos Campeões da Europa de 2015/16. Os merengues enfrentaram na semifinal o América-MEX, campeão da Concacaf. Com gols de Benzema e Cristiano Ronaldo os espanhóis garantiram vaga na grande final da competição, contra a surpreendente equipe japonesa do Kashima Antlers, que despachou o Atlético Nacional-COL, o campeão da Libertadores, por 3 a 0.
A final foi muito boa e surpreendente. O Real Madrid saiu na frente com gol de Benzema aos nove minutos de partida. Engana-se que pensou que o time madrilenho iria deitar e rolar para cima do campeão japonês. O Kashima empatou aos 44 com Shibasaki. Na volta do intervalo, o mesmo Shibasaki virou para o Kashima aos sete minutos do segundo tempo. Cristiano Ronaldo de pênalti empatou a partida para o Real aos 15 minutos. O clube japonês jogou muito bem, dando até lençóis no time das estrelas, e se o árbitro Janny Sikazwe de Zâmbia tivesse dado o segundo cartão amarelo para o merengue Sergio Ramos, poderia sair ali o primeiro campeão mundial fora do eixo Conmebol-Uefa. O mais curioso é que o árbitro colocou a mão no bolso, porém não tirou o cartão.
Com tudo isso a partida foi para a prorrogação. E Cristiano Ronaldo, artilheiro do mundial e sempre decisivo, marcou aos oito e aos 14 minutos do tempo extra e decretou o título mundial de 2016 para os europeus.
Além do título do Real, destaca-se alguns fatos deste mundial. Primeiro o uso do árbitro de vídeo, que fez o jogo ser paralisado por muito tempo nos jogos das semifinais entre Kashima e Atlético e Real e América.
O segundo é que o Kashima mostrou ao mundo que ainda dá para jogar convincentemente contra os europeus. Jogando com bom toque de bola, sem medo de enfrentar um campeão europeu, e isso nosso times sul-americanos deveriam tirar como lição. Pois, apesar de terem um time muito superior, é inadmissível ver clubes brasileiros, argentinos, colombianos, na maioria das vezes de quatro para os clubes europeus, quando não caem antes para um Mazembe, Raja Casablanca e Kashima Antlers. Não desmerecendo os times africanos e japonês, mas que é decepcionante ver o futebol sul-americano minguando é.
Parabéns Real Madrid Pentacampeão Mundial 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

sábado, 10 de dezembro de 2016

Pôster Grêmio Pentacampeão Copa do Brasil 2016

O Brasil novamente pertence ao Rei de Copas. Os gremistas conquistam pela quinta vez a Copa do Brasil, se torna o maior campeão do torneio e volta a pintar após 15 anos o país de azul, preto e branco.
O Grêmio entrou diretamente nas oitavas de final por ter participado da Copa Libertadores deste ano. Enfrentou o Atlético-PR fora de casa e perdeu por um gol. Devolveu o placar na Arena do Grêmio e levou a decisão para os pênaltis, onde venceu por 4 a 3 e se classificou às quartas de final. O adversário da vez foi o Palmeiras, o então campeão da Copa do Brasil. Porém, em casa, os gaúchos venceram por 2 a 1, e com o empate fora de casa, se tornou semifinalista.
Semifinais contra o Cruzeiro. A primeira partida foi disputada em solo mineiro. Mas, quem fez o jogo foi os gremistas, com um bom placar de 2 a 0. Bastou empatar sem gols fora de casa para garantir-se na decisão. Decisão contra outro mineiro, o Atlético. Na primeira partida no Mineirão, o Grêmio dominou o jogo e fez 3 a 1, levando para sua arena a vantagem de ser derrotado por um gol para ser campeão.
Porém, ser campeão perdendo não é coisa do Grêmio. Num jogo bem equilibrado, os tricolores abriram o placar aos 43 do segundo tempo com Bolaños. Festa geral na Arena do Grêmio. Tanta festa que, aos 46 minutos, Cazares empatou para o Atlético com um golaço, de trás do meio-campo, fazendo um gol que nem o Rei Pelé fez.
Entretanto, isso não afetou em nada a festa tricolor. E a torcida gremista pôde soltar o grito de campeão entalado na garganta, e comemorar o título de Rei de Copas do Brasil. E, de quebra, ver o Grêmio novamente na Libertadores.
Parabéns Grêmio Pentacampeão da Copa do Brasil 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Pôster Chapecoense Campeã Copa Sul-Americana 2016

A Chapecoense estreou na competição enfrentando o também brasileiro Cuiabá. No Mato Grosso perdeu por 1 a 0. Porém, em casa, na Arena Condá venceu por 3 a 1 (Lucas Gomes e dois de Bruno Rangel para a Chape) e avançou.
Pelas oitavas de final enfrentou o tradicional Independiente da Argentina. Nem em Avellaneda e nem em Chapecó saíram gols. A disputa foi para os pênaltis. E com uma bela defesa do goleiro Danilo, a Chape venceu por 5 a 4 e se classificou às quartas de final.
O Adversário da vez era o Junior Barranquilla da Colômbia. Fora de casa, os catarinenses perderam por 1 a 0. Mas, novamente a força da Arena Condá com seus fanáticos torcedores apoiando ajudaram o time verde a golear. Placar final de 3 a 0 para a Chape, gols de Ananias, Gil e Thiego. Semifinais à vista!
Mais um argentino pela frente. O forte San Lorenzo, campeão da Libertadores em 2014 e o time do Papa. A Chapecoense fez um bom resultado fora de casa empatando por um gol. Em Santa Catarina bastou empatar sem gols para classificar-se pela primeira vez a uma final internacional.
Infelizmente o trágico acidente com o avião da LaMia levou nossos heróis (atletas, dirigentes e jornalistas). Porém, com a bela atitude do Atlético Nacional da Colômbia de declarar os nossos brasileiros campeões, a Conmebol ratificou, e oficialmente confirmou o título de Campeã da Copa Sul-Americana de 2016 para a Chapecoense.
Com isso, nossos heróis colocaram pela primeira vez um clube catarinense no rol de campeões internacionais. Pela primeira vez a Chapecoense conseguiu um título continental. Pela primeira vez um clube do interior e que não pertence aos chamados "12 grandes" do futebol brasileiro conquistou a América. Pela primeira vez a Chape disputará a Libertadores.
Ainda tem dúvida que a Chapecoense e seus heróis foram e sempre serão grandes? Não há dúvida. Os fatos falam por si só. Lembremos dos familiares de todos que se foram nesta tragédia, rezemos, oremos e torcemos por eles. Quem puder ajudá-los de alguma forma, ajude. Quem não puder, cobre medidas para tal. E, oremos pelos que estão nos hospitais, os milagres vivos que mostram a força e amor de nosso Senhor Deus Pai.


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Atlético Nacional-COL Prêmio Fair Play 2016

Com o trágico acidente ocorrido com o avião que levava o time da Chapecoense para sua primeira final internacional, a ser disputada na Colômbia, o amor de um país confortou os familiares das vítimas e à todos nós brasileiros.
Tendo um grande respeito nunca visto até então, o nosso vizinho sul-americano foi muito solidário com o acontecimento. Como este site é sobre futebol, destacamos as atitudes belas tomadas pelo Independiente Santa Fé e pelo Atlético Nacional.
O primeiro, campeão da Copa Sul-Americana de 2015, entregou a réplica de seu troféu para a Chapecoense. O segundo teve um ato, que, sinceramente, não sei se um clube brasileiro o teria. Abdicar do título da competição e pedir à Conmebol que declarasse a Chape campeã.
Nesta semana, a entidade sul-americana ratificou o time catarinense como campeão da Copa Sul-Americana de 2016, e, em nota, declarou que o pedido do clube colombiano foi essencial para esta decisão.
Se não bastasse esta homenagem, no horário em que seria jogada a primeira partida da decisão, os torcedores colombianos lotaram seu estádio em Medellín, e homenagearam todos os heróis que se acidentaram.
Por isso tudo, o Atlético Nacional recebeu merecidamente o prêmio Centenário Conmebol de Fair Play. E, torceremos para que os colombianos tragam o mundial aqui para a América.


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Jeonbuk-COR Bicampeão Liga dos Campeões da Ásia 2016

O clube sul-coreano conquista pela segunda vez o título de campeão da Ásia. Com uma boa campanha (sete vitórias e apenas três derrotas em 14 partidas) o Jeonbuk garantiu vaga para sua segunda Copa do Mundo de Clubes da FIFA. Parabéns Jeonbuk-COR Bicampeão Liga dos Campeões da Ásia. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Pôster em Homenagem à Chapecoense 2016

Não, este não era este o pôster que queríamos publicar nas nossas páginas do site e Facebook. Estávamos torcendo - eu, você e todos os brasileiros que curtem o futebol - para que a Chape fosse campeã de seu primeiro título internacional, a Copa Sul-Americana de 2016.
Infelizmente, na madrugada de hoje, 29 de novembro de 2016, ocorreu um grave acidente com o avião onde os atletas, comissão técnica e dirigentes da Chapecoense estavam, juntamente com jornalistas e a comissão de bordo do voo.
Não iremos nos aprofundar no acontecido, pois nossa intenção é prestar uma homenagem aos que partiram, aos sobreviventes deste acidente e aos familiares e amigos de todos os envolvidos. Vamos lembrar dos belos gols que Bruno Rangel fez, grande artilheiro. Das milagrosas defesas do goleiro Danilo. Da qualidade de Cléber Santana, o Capita do time. Lembremos também do talento de Kempes, de Matheus Biteco, e da inteligência e carisma do técnico e ex-jogador Caio Júnior.
Para não cometer uma injustiça com todos os nomes que fizeram da Chape o clube mais querido de todas as torcidas brasileiras, sejam jogadores, dirigentes, e funcionários que perdemos, vamos nos lembrar da história recente de um clube com menos de 50 anos de fundação, que, como um exemplo de gestão - gasta o que pode pagar, ensinando a muitos "grandes" do nosso futebol - subiu rapidamente da Série D para a Série A do Campeonato Brasileiro.


Desde que chegou à elite, em 2014, o clube se mantém longe da zona de rebaixamento. E, este 2016 estava sendo muito mágico para os catarinenses. Bem posicionado na tabela do Brasileirão 2016, - com vaga assegurada à Copa Sul-Americana de 2017 -  a Chapecoense faria sua primeira final em uma competição internacional.
Se, no ano passado, chegou até as quartas de final, neste ano, chegou à final da Copa Sul-Americana derrotando grandes camisas do futebol, como Independiente e San Lorenzo, ambos argentinos. Dá-lhe Arena Condá e seus fiéis e admiráveis torcedores.
Porém, hoje todos acordamos muitos tristes e chocados com a notícia da morte de quase todos integrantes de nossa querida equipe catarinense. Particularmente, este que vos escrevem, nunca imaginou que presenciaria um fato como este em vida. Achei que só saberia disso pelas revistas, livros e programas de TV relatando sobre as tragédias esportivas, como ocorridos com o Torino, da Itália, e com o Manchester United, da Inglaterra, ocorridos no século passado, só para citar os mais lembrados. Ao menos não esperava ver tamanho luto em meu país.
Entretanto, coloquemos em nossas orações as almas destes guerreiros que se foram - atletas, dirigentes, jornalistas e profissionais de bordo - para que estejam em um ótimo lugar. Nós do site, rezamos para que o Deus, nosso Pai Eterno, juntamente com os seus console a família de todos que partiram, e de força e restabeleça a saúde dos que estão entre nós.
Não temos mais nada a relatar. Não há clima para mais nada. Hoje é o dia mais triste do futebol nacional.
#forçachape
#somostodoschape

Site Pôster Campeão.

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Palmeiras Eneacampeão Brasileiro 2016

Merecido e incontestável. O Palmeiras vence o mais importante campeonato do país pela nona vez após um hiato de 22 anos. Porém, valeu a pena esperar. Os fatos explicam o porquê. Das 38 rodadas (será líder na última rodada que virá), o Verdão só não foi líder em nove. Campeão com uma bela campanha, tendo em 37 partidas disputadas, 23 vitórias e apenas seis derrotas, sendo que, em casa, perdeu apenas para o Atlético-MG. Marcou 60 gols (segundo melhor ataque da competição) e sofreu apenas 31 (melhor defesa) e teve o melhor saldo (29 gols). De quebra teve disparada a melhor média de público (32471 pessoas) no Allianz Parque.
Se os números não bastassem, o time recheado de bons jogadores cumpriu, e muito bem o seu papel. No gol o ótimo Fernando Prass, que, lesionado deu lugar a Jaílson. Goleiraço. O que falar de Gabriel Jesus? O menino da base alviverde foi grande, como o Palmeiras é. Mesmo jovem, fez 12 gols, e fez boas participações na seleção brasileira do técnico Tite. Outros craques fizeram os palestrinos soltarem o grito de campeão da garganta, como Yerry Mina, o experiente Zé Roberto, que como um bom vinho, quanto mais o tempo passa, melhor fica.


Não menos importantes foram Lucas Barrios, Dudu, o simpático e talentoso Victor Hugo, Moisés, Egídio, Arouca, Tchê Tchê e tantos outros que foram brilhantes ao longo do campeonato. E, para abrilhantar tudo isso, a sapiência e qualidade do técnico Cuca, mostrando que tática e gestão de grupo são essenciais para conquistar um título nacional de pontos corridos.
Por tudo isso, os palmeirenses de todos os cantos cantam, gritam, sorriem e choram de felicidade com o eneacampeonato, que fez do Palmeiras o maior campeão brasileiro de todos os tempos. Com este título, além de coroar a boa gestão do presidente Paulo Nobre, calou a boca de muitos que desdenharam da grandeza deste clube tradicional e vencedor. Dá-lhe Porco! Parabéns Palmeiras Eneacampeão Brasileiro 2016. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Pôster Atlético-GO Campeão Brasileiro Série B 2016

O Dragão goiano conquista mais um título nacional de sua história, desta vez faturou o Brasileirão da Série B. Jogando com muita garra e qualidade, os rubro-negros conquistaram o acesso com antecipação, já na 35ª rodada, onde, vencendo o Londrina no interior paranaense por 2 a 1, comemorava com sua fanática torcida a volta para a elite do futebol nacional.
Porém, quem pensou que apenas o acesso estava de bom tamanho para os atleticanos enganaram-se. Na rodada seguinte, a 36 de 38 ao todo, o time goiano, em casa, venceu os mineiros do Tupi por 5 a 3, e decretou o êxtase geral dos torcedores mandantes. Campeão!


Até a 37ª rodada, mais conhecida como penúltima, o Atlético conquistou 73 pontos, vencendo 21 partidas, empatando 10 e perdendo apenas seis. Marcou 58 gols e sofreu 34, com 24 de saldo e um aproveitamento de 66%. Além dos atleticanos, o Avaí também garantiu seu acesso à Série A em 2017. Bahia, Vasco e Náutico brigam na última rodada pelas duas vagas remanescentes.
Mas, agora tudo é festa, já que o dragão será o único representante do estado de Goiás na Série A de 2017, para delírio de sua torcida! Parabéns Atlético-GO Campeão Brasileiro Série B 2016. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Mamelodi Sundowns-AFS Campeão Liga dos Campões da África 2016

O time sul-africano conquistou pela primeira vez o maior título de clubes de seu continente. Em 14 jogos (excetuando os vencidos por W.O.), venceu oito e perdeu cinco. Com essa conquista, o Mamelodi disputará o Mundial de Clubes da Fifa deste ano, representando toda a África. Parabéns Mamelodi Sundowns Campeão Liga dos Campeões da África 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Pôster Boa Esporte Campeão Brasileiro Série C 2016

O Boa Esporte, único clube mineiro na Série C, jogou a primeira fase no Grupo B, ficando na segunda colocação, com dez vitórias e apenas três derrotas em 18 partidas. Nas quartas de final enfrentou o Botafogo paraibano. Empatando sem gols em solo nordestino, e com uma vitória simples em Varginha, os mineiros avançaram às semifinais, e, de quebra conquistaram o acesso à Série B juntamente com o ABC-RN, Guarani-SP e Juventude-RS.
O primeiro jogo semifinal do Boa foi em solo gaúcho contra o Juventude, onde os mineiros venceram por 2 a 1. Em casa, repetiu o resultado, classificando assim à finalíssima.
O Guarani em Campinas era o adversário da vez. Em um jogo equilibrado, os primeiros 90 minutos acabaram em um gol para cada lado. Porém, em Minas Gerais, o Boa goleou o time bugrino por 3 a 0, para a alegria dos torcedores mineiros, que puderam soltar o grito de campeão nacional pela primeira vez! Parabéns Boa Esporte Campeão Brasileiro Série C. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Fast Clube Campeão Amazonense 2016

Após 45 anos, o Fast volta a conquistar o campeonato estadual de Amazonas - seu último título foi em 1971. Na primeira fase fez grande campanha. Em doze partidas venceu oito e foi derrotado em apenas duas oportunidade. Líder e classificado às semifinais, enfrentou e venceu o Rio Negro por 2 a 1.
Na decisão, o Fast venceu por 3 a 1 e desentalou o grito de sua torcida apaixonada: Campeão. Parabéns Fast Clube Campeão Amazonense 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

CampHist: Pôster Grêmio Campeão Copa do Brasil 1989

Com intuito de integrar equipes de federações que, a partir de 1987, deixaram de ter representantes no Campeonato Brasileiro, e, com isso, não jogavam contra os grandes clubes do cenário nacional, a Copa do Brasil foi criada, em 1989 para fazer este papel. E, de quebra, o campeão garantiria uma vaga na Copa Libertadores do ano posterior, um bom agrado, já que, o caminho se mostrou mais curto do que a conquista da vaga via Campeonato Nacional.
Com 32 clubes de 22 unidades federativas - até então a região norte teve apenas representantes do Amazonas e Pará - o sistema de disputa foi no simples mata-mata. O primeiro gol da competição foi marcado pelo atacante Alcindo Sartori, aos 29 minutos de partida, na vitória do Flamengo por 2 a 0 sobre os paraenses do Paysandu.
Agora falemos da trajetória do tricolor gaúcho, comandado pelo técnico Cláudio Duarte, o campeão da primeira Copa do Brasil. Na primeira fase, o imortal enfrentou o Ibiraçu-ES, e venceu em solo capixaba por um gol. No saudoso Estádio Olímpico, o Grêmio goleou a equipe do Ibiraçu por 6 a 0 e se classificou às oitavas de final com sobras.


Em solo mato-grossense, os gremistas não tomaram conhecimento do time da casa, o Mixto, e golearam por 5 a 0. O jogo de volta seria em Porto Alegre. Seria. O time mato-grossense, alegando que não conseguiria um voo a tempo para a capital gaúcha, acabou não comparecendo, e o Grêmio se classificou sem precisar jogar.
Nas quartas de final, o Grêmio enfrentou o tradicionalíssimo Bahia na Fonte Nova em Salvador, e não decepcionou. Com gols de Cuca - hoje técnico - e Kita, abriu boa vantagem para a segunda partida, 2 a 0. Em casa, coube aos gremistas selarem a classificação, vencendo por um gol, marcado por Edinho.
O Maracanã foi o palco do primeiro confronto entre Flamengo e Grêmio pelas semifinais da Copa do Brasil. Mesmo com um placar adverso de 2 a 0, os gaúchos conseguiram arrancar o empate com gols de Paulo Egídio e Luiz Eduardo, levando até uma boa vantagem para casa. Casa esta mágica, onde, com a força de sua torcida, o Grêmio goleou os rubro-negros por 6 a 1 e carimbava sua vaga à final.
Decisão equilibrada, teve início no dia 26 de agosto, em Recife, onde Sport e Grêmio não saíram do zero. Porém, no dia dois de setembro houve gols no Estádio Olímpico. Os gremistas abriram o placar com Assis - o irmão de Ronaldinho Gaúcho - aos nove minutos. Aos 31, o goleiro tricolor, Mazarópi marcou contra, e assim a partida empatara. O gol do título veio com Cuca, aos sete do segundo tempo. Assim, a torcida do imortal pôde comemorar seu título nacional, o primeiro da história da Copa do Brasil, e, de quebra, vibrar com a vaga na Libertadores de 1990. Parabéns Grêmio Campeão Copa do Brasil 1989. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

domingo, 16 de outubro de 2016

Campeões Históricos: Pôster Espanha Campeã Mundial 2010

A Copa do Mundo de 2010 foi a 19ª edição desta competição que cativa milhões de pessoas de todos os cantos do planeta. Disputada entre os dias 11 de junho a 11 de julho, foi o primeiro mundial disputado em solo africano, mais precisamente na África do Sul. O formato de disputa e o número de seleções se mantiveram. Porém, há uma curiosidade a se destacar: a Austrália, pela primeira vez, é representante do continente asiático, já que, após a Copa 2006 teve seu pedido aceito perante a AFC (federação asiática) e pode disputar as eliminatórias da Ásia. Isso se deu, pois, quando jogava pelas eliminatórias da Oceania, seu continente de fato, a Austrália não conseguira muitas classificações (apenas duas até 2006), já que o continente até hoje não possui vaga direta para o mundial, e seu representante tinha que disputar a repescagem mundial.
Voltando à Copa, destaquemos o grupo A, onde a anfitriã, África do Sul do técnico brasileiro Parreira fez seus jogos. Mesmo jogando em casa ao som das vuvuzelas - cornetas plásticas bem audível - os sul-africanos não conseguiram a classificação às oitavas de final. Vencendo apenas uma partida, os anfitriões com quatro pontos viram o México se classificar com os mesmos quatro pontos na  segunda vaga do grupo - os mexicanos terminaram com um gol de saldo contra dois negativos dos sul-africanos. Uruguai, invicto com sete pontos foi o primeiro, e os franceses, pasmem, foi o lanterna com  apenas um ponto!
No Grupo G, a seleção brasileira do então técnico Dunga ficou em primeiro lugar, vencendo a Costa do Marfim e Coreia do Norte, e empatando com Portugal de Cristiano Ronaldo e companhia, que se classificou com cinco pontos, também invicto.
A Espanha se classificou na liderança do grupo H com seis pontos. Mais engana-se quem pensa que foi fácil. Os espanhóis estrearam perdendo para os suíços por 1 a 0. Recuperou-se vencendo os dois jogos restantes: 2 a 0 frente a Honduras; e 2 a 1 contra o Chile, que se classificaram com os mesmos pontos da Espanha, porém com um gol de saldo, um a menos do que os líderes.


Oitavas de final teve grandes jogos. O Brasil eliminou o Chile por 3 a 0 e garantiu sua passagem. Os espanhóis venceram com gol único os portugueses, também garantindo vaga. Os demais classificados às quartas de final - destacados em negrito - foram: Uruguai 2 a 1 Coreia do Sul; EUA 1 a 2 Gana (Gana 1 a 0 na prorrogação); Alemanha 4 a 1 Inglaterra; Argentina 3 a 1 México; Holanda 2 a 1 Eslováquia; e Paraguai 0 a 0 Japão (Paraguai 5 a 3 nos pênaltis).
Abrindo as quartas de final, Holanda e Brasil se enfrentaram em Porto Elisabeth. O Brasil abriu o placar com Robinho, aos 10 minutos da etapa inicial. Porém, no segundo tempo, a Holanda cresceu e virou o marcador, com Sneijder aos oito e 23 minutos, mandando os brasileiros de volta para casa. O Uruguai suou e só consegui sua classificação diante do Japão nos pênaltis (os uruguaios venceram por 5 a 3), após empate sem gol. Os alemães, mais uma vez, se tornaram a pedra no sapato da seleção Argentina em copas. Goleados por 4 a 0, os argentinos deram adeus ao mundial, e essa copa já mostrava do que a Alemanha podia aprontar quatro anos depois. Por fim, a Espanha venceu o Paraguai com gol solitário de Villa aos 38 minutos do segundo tempo e se classificaram.
Na partida semifinal, a Holanda derrotou o selecionado uruguaio por 3 a 2 e, voltava assim a uma decisão de copa. A Espanha suou, e pelo terceiro jogo eliminatório seguido, venceu por 1 a 0 os alemães, com gol de Puyol. Derrotados nas semi, Alemanha e Uruguai decidiram a terceira colocação mundial. Os alemães venceram por 3 a 2, e festejaram.
Decisão de Copa do Mundo sempre é uma grande emoção. De um lado a Espanha, que, apesar de ter uma das melhores ligas nacionais do mundo, nunca, até então vencera com sua seleção um mundial. De outro, os Holandeses, que também jamais experimentaram o sabor de ser campeões, mesmo tendo um grande time que marcou época em 1974.
Com mais de 80 mil expectadores, o estádio Soccer City, na cidade de Joanesburgo viu um bom jogo entre as duas seleções europeias. A partida no tempo normal terminou empatada sem gols, e foi preciso jogar mais 30 minutos extras. Jogo muito parelho, até que o holandês Heitinga foi expulso aos quatro do segundo tempo extra. Com um a mais, a Espanha conseguiu seu gol do título aos 11 minutos, com Iniesta. E, vencendo todos seus jogos eliminatórios desde as oitavas de final por um gol, a Espanha com seu tiki-taka conseguiu comemorar o primeiro título mundial de sua história. Parabéns Espanha Campeã Mundial 2010. Veja o pôster com os campeões!

Os artilheiros de cada Copa do Mundo.
1930:  Stábile-ARG (8 gols); 1934: Nejedly-TCH (5 gols); 1938: Leônidas-BRA (7 gols); 1950: Ademir-BRA (8 gols); 1954: Kocsis-HUN (11 gols); 1958: Fontaine-FRA (13 gols); 1962: Jerkovic-IUG (5 gols); 1966: Eusébio-POR (9 gols); 1970: Müller-ALE (10 gols); 1974: Lato-POL (7 gols); 1978: Kempes-ARG (6 gols); 1982: Rossi-ITA (6 gols); 1986: Lineker-ING (6 gols); 1990: Schillaci-ITA (6 gols); 1994: Stoichkov-BUL e Salenko-RUS (6 gols); 1998: Suker-CRO (6 gols); 2002: Ronaldo-BRA (8 gols); 2006: Klose-ALE (5 gols); 2010: T. Müller-ALE, Villa-ESP, Sneijder-HOL e Forlán-URU (5 gols); e 2014: J. Rodríguez-COL (6 gols).

Maiores artilheiros da história das Copas (Top 5).
Miroslav Klose-ALE (16 gols); Ronaldo-BRA (15 gols); Gerd Müller-ALE (14 gols); Just Fontaine-FRA (13 gols); e Pelé-BRA (12 gols).


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

NESTA SEMANA! Começa a série dos Campeões Históricos da Copa do Brasil. Você curtirá e relembrará as fotos e crônicas de cada campeão desta competição nacional desde sua primeira edição, em 1989.

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Campeões Históricos: Pôster Itália Tetracampeã Mundial 2006

A 18ª Copa do Mundo de Futebol foi disputada entre os dias nove de junho a nove de julho de 2006 em solo alemão. Pela primeira vez o campeão da edição anterior - o Brasil, em 2002 - teve que disputar as eliminatória para defender seu título. A seleção da Alemanha, anfitriã, cumpriu bem o seu papel e foi o líder do Grupo A com 100% de aproveitamento com nove pontos. Neste grupo classificou-se também os equatorianos com seis pontos, e foram eliminadas as seleções da Polônia e Costa Rica com três e nenhum ponto conquistado respectivamente.
No Grupo E, a Itália foi a líder de sua chave, seguida da seleção de Gana com seis, ambos classificados, deixando Republica Tcheca e EUA fora das oitavas de final. Já a seleção brasileira, com seu quadrado mágico e repleto de craques como Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Adriano, Kaká e Robinho, fez bonito e se classificou em primeiro lugar no Grupo F, vencendo todos seus jogos. A Austrália foi a outra equipe classificada deste agrupamento, com quatro pontos, mandando a Croácia e o Japão de volta para casa.
Os demais classificados ao mata-mata da Copa 06 são, em ordem de colocação: Grupo B (Inglaterra e Suécia); Grupo C (Argentina e Holanda); Grupo D (Portugal e México); Grupo G (Suíça e França); e Grupo H (Espanha e Ucrânia).


Em jogo válido pelas oitavas de final do mundial, a seleção anfitriã venceu bem a Suécia por 2 a 0, garantindo sua classificação. A Itália também se classificou, porém com muito sufoco frente a seleção australiana. Totti, aos cinco minutos de acréscimo da etapa final, marcara o gol único da partida em um pênalti bem polêmico marcada a favor dos italianos. O Brasil goleou a seleção ganesa por 3 a 0, também garantindo sua permanência na competição. Em negrito os demais classificados às quartas de final: Argentina 2 a 1 México (Argentina 1 a 0 na prorrogação); Inglaterra 1 a 0 Equador; Portugal 1 a 0 Holanda; Suíça 0 a 0 Ucrânia (Ucrânia 3 a 0 nos pênaltis); e Espanha 1 a 3 França.
A Alemanha, pelas quartas de finais, suou para eliminar a seleção argentina. Com o placar empatado em um gol por mais de 120 minutos de bola rolando, os alemães seguiram vivos, vencendo, nos pênaltis, por 4 a 2. Já os italianos, despacharam os ucranianos com uma goleada de 3 a 0. Portugal do técnico brasileiro Luis Felipe Scolari, campeão da Copa em 2002 com os brasileiros, venceu nos pênaltis a seleção inglesa por 3 a 1, após 120 minutos sem nenhum gol marcado. E o Brasil com seu quadrado mágico? Sucumbiu diante dos franceses - lembrando a Copa de 1998 - sendo eliminados por gol único de Henry no segundo tempo.
Semifinais de Copa, muita emoção! Após 90 minutos de equilíbrio e sem gols, a seleção italiana fez surpreendentes dois gols, aos 14 minutos do segundo tempo da prorrogação, com Grosso, e aos 16 com Del Piero. Assim, a Itália, após 12 anos, voltava a disputar o título mundial, eliminando a Alemanha. Na outra semi, os franceses venceram por 1 a 0 Portugal, com gol de Pênalti de Zidane, aos 33 minutos do primeiro tempo. Tradicionalmente, um dia antes da decisão, a disputada de terceiro lugar entre as seleções da Alemanha e Portugal foi realizada. Os alemães venceram por 3 a 1, garantindo o terceiro posto.
Dia nove de julho de 2006, às 20 horas locais no estádio olímpico de Berlim, com cerca de 69 pessoas presentes foi decidido o destino da cobiçada Taça Fifa. Primeira final disputada entre europeus após a Copa de 1982. A França abriu o placar com Zidane, de pênalti aos sete minutos de partida. Aos 19, Materazzi empatava para os italianos. Estes dois marcadores foram os destaques do jogo, não somente pelos gols marcados. Como no tempo normal ficou empatado, mais 30 minutos extras se fizeram necessários. E, aos cinco minutos do segundo tempo da prorrogação, Materazzi e Zidane protagonizaram uma cena das mais marcantes da história das Copas. Segundo grande parte da imprensa, o italiano teria proferido insultos à mãe e irmã do craque francês, que, surpreendentemente, apesar de sua experiência, deu uma cabeçada no peito do zagueiro e foi expulso. Terminava ali a carreia de jogador do craque Zidane, que se aposentou logo após ao mundial.
Mesmo com este acontecimento, nada de gols no tempo extra. Decisão por pênaltis, a segunda na história da competição - assim como ocorrido em 1994, entre Brasil e Itália. Pirlo, Materazzi, De Rossi, Del Piero e Grosso marcaram para os italianos. Wiltord, Abidal e Sagnol marcaram; Trezeguet errou para os franceses. Itália 5 a 3. Itália campeã mundial após 24 anos de seu último título conquistado. Itália Tetracampeã! Parabéns Itália Tetracampeã Mundial 2006. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

NÃO PERCA! Domingo, o último pôster da série Campeões Históricos - Copa do Mundo aqui no blog.

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Pôster Volta Redonda Campeão Brasileiro Série D 2016

Ampliado de 48 clubes para atuais 68, o Brasileirão Série D teve seu primeiro campeão do Estado do Rio de Janeiro. O Voltaço jogou a primeira fase no grupo A12, ficando em primeiro lugar e invicto, vencendo quatro das seis partidas, marcando 11 gols e sofrendo apenas um. Enfrentou o URT de Minas Gerais na terceira fase, já eliminatória, empatando em um gol fora e vencendo por 2 a 0 em casa, classificando-se.
Nas oitavas de final, garantiu vaga vencendo em Goiás o time do Anápolis por 2 a 1 e segurando o empate sem gols no estado fluminense. As quartas de finais tinham um peso enorme. Quem vencesse seu confronto já garantiria vaga à Série C. Pois bem, o Volta Redonda venceu o primeiro jogo na Bahia por 3 a 2 e venceu também em casa, por 2 a 1, eliminando o Fluminense de Feira. Os outros promovidos à terceira divisão nacional de 2017 foram: CSA-AL; São Bento-SP; e Moto Club-MA.
Semifinal entre Moto Club e Volta Redonda ficou no empate por 1 a 1 no Estado maranhense. Já em casa, o Voltaço venceu por 3 a 1, garantindo sua vaga na grande final.
Empate em 0 a 0 nas Alagoas, o Volta fez um belo jogo em seus domínios e goleou o CSA por 4 a 0 garantindo seu primeiro título nacional de futebol, e para completar, de forma invicta, vencendo 10 jogos e empatando seis. Parabéns Volta Redonda Campeão Brasileiro Série D 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Santos Tetracampeão Amapaense 2016

O Peixe da Amazônia conquista o quarto título consecutivo do Amapá. Campeão desde 2013, o clube acumula cinco conquista. Além destes quatro últimos, possui o titulo estadual do ano 2000. Aliás, este tetracampeonato é um feito inédito no futebol profissional do Estado, já que nenhum clube desde o profissionalismo implantado na década de 90 conseguiu tal sequência de triunfos.
O título santista foi merecido. Não perdeu nenhum dos 10 jogos disputados. Venceu cinco, marcando 14 gols e sofrendo apenas três. Campeão do segundo turno, o peixe enfrentou o Trem, campeão do primeiro, que já possui cinco títulos em seu currículo.
Final eletrizante, digna de uma final. Zé Adriano, do Trem abriu o placar aos 14 minutos de partida. Somente no segundo tempo, aos 25 minutos, o Santos conseguira o empate com Rubran. E ficou no empate no tempo normal. Na disputa de pênaltis o Santos venceu por 3 a 1 e garantiu a alegria de sua torcida. Parabéns Santos Tetracampeão Amapaense 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

domingo, 25 de setembro de 2016

Campeões Históricos: Pôster Brasil Pentacampeão Mundial 2002

A décima sétima Copa do Mundo de futebol, disputada entre os dias 31 de maio a 30 de junho foi a primeira disputada em solo asiático. Também foi a primeira - e até hoje a única - com sede compartilhada por dois países, Coreia do Sul e Japão.
A Copa 2002 foi marcada por muitas surpresas desportivas. O Grupo A mostra três novidades de uma vez. Em um grupo com a então campeã mundial, a França, e outro país tradicional no futebol, o Uruguai, quem surpreendeu mesmo foi a seleção de Senegal, estreante em Copas. Os africanos venceram o jogo de estreia frente aos franceses de Zidane por 1 a 0. Depois, empataram com a futura líder do grupo, a Dinamarca por 1 gol. E, por fim, também empataram em 3 a 3 com os uruguaios, garantindo, assim, Senegal em segundo lugar do grupo A e classificado às oitavas, deixando Uruguai e França (última do grupo com apenas um ponto no empate sem gols com o Uruguai) a ver navios.
No grupo D, da anfitriã Coreia do Sul, duas surpresas. A decepção foi a eliminação portuguesa, que com apenas três pontos viu os EUA se classificarem em segundo do grupo, e a seleção "da casa" em primeiro, um grande triunfo na história do futebol sul-coreano.
A Argentina decepcionou e foi eliminada logo na fase de grupos. Certo, o grupo F tinha as seleções da Suécia, Inglaterra (classificadas) e Nigéria.
O Brasil jogou seu grupo C em solo sul-coreano. Estreou vencendo, de virada contra os fortes turcos de 2002. Venceu com uma arbitragem bem polêmica, e que, de certa forma, prejudicou a seleção da Turquia. Na segunda partida, vitória tranquila por 4 a 0 em cima da China. Por fim, o terceiro e último jogo também teve goleada brasileira: 5 a 2 frente a Costa Rica. Brasil em primeiro e Turquia em segundo lugar, classificados.
O Japão, classificou-se em primeiro do seu grupo H com sete pontos, seguido da Bélgica com cinco, também garantida às oitavas.


Nas oitavas de final, o Brasil venceu por 2 a 0 a seleção belga, com gols de Rivaldo e Ronaldo, os craques daquele mundial. Os outros confrontos foram: Alemanha 1 a 0 Paraguai; Espanha 1 a 1 Irlanda (Espanha 3 a 2 nos pênaltis); México 0 a 2 EUA; Coreia do Sul 2 a 1 Itália (Coreia venceu com gol de ouro); Dinamarca 0 a 3 Inglaterra; Suécia 1 a 2 Senegal (Senegal venceu com gol de ouro); e Japão 0 a 1 Turquia. Em negrito os classificados para a fase seguinte.
O Brasil enfrentou a Inglaterra dos craques Owen e Beckham em partida válida pelas quartas de final da Copa 2002. Os ingleses abriram o placar com Owen, aos 22 minutos. Rivaldo aos 48 minutos da primeira etapa igualou o placar para os brasileiros. Aos cinco do segundo tempo, com um golaço de falta, Ronaldinho Gaúcho marcou o gol da classificação brasileira às semifinais. Outros jogos: Alemanha 1 a 0 EUA; Espanha 0 a 0 Coreia do Sul (Coreia 5 a 3 nos pênaltis. Este jogo contou com uma arbitragem polêmica, onde a Espanha teve dois gols mal anulados.); e Senegal 0 a 1 Turquia (Turquia venceu com gol de ouro). Em negrito os semifinalistas do mundial.
Brasil e Turquia se reencontraram pelas semifinais da competição. Com gol solitário de Ronaldo aos quatro minutos do segundo tempo, o Brasil, pela terceira vez consecutiva estava em uma final de Copa do Mundo. A Alemanha venceu também por um gol os sul coreanos e garantiu sua vaga à final. Na disputa do terceiro lugar, um jogo bem movimentado. Em menos de 11 segundos, Hakan Sükür abriu o placar para os turcos e marcou seu nome como o gol mais rápidos de Copas do Mundo. A Turquia ampliou no primeiro tempo, e chegou a ter 3 gols a um a seu favor. Partida Liquidada? Mais ou menos. Aos 48 do segundo tempo os sul-coreanos marcaram seu segundo tento. Turquia terceira colocada. Coreia do Sul, histórico quarto lugar.
Yokohama, 30 de junho de 2002. Mais de 69 mil espectadores viram a decisão da Copa entre Brasil e Alemanha, onde juntas somavam na época sete títulos mundiais. Primeiro tempo sem bola na rede. Porém, no segundo, Ronaldo, aquele que teve uma grave contusão no joelho tempos antes da Copa, taxado como bichado por muitos torcedores e jornalistas. O mesmo Ronaldo, que em 1998 passou mal antes da final contra os franceses. O Fenômeno marcou aos 22 e aos 34 minutos da etapa final, fez, junto com Rivaldo, Ronaldinho Gaúcho, Cafu, Roberto Carlos e tantos outros craques comandados por Felipão Scolari, o Brasil gritar Pentacampeão. O primeiro e único país pentacampeão mundial de futebol. Parabéns Brasil Pentacampeão Mundial 2002. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Campeões Históricos: Pôster França Campeã Mundial 1998

Disputada na França do dia 10 de junho a 12 de julho, a Copa de 1998 foi a décima sexta disputada, trazendo duas grandes novidades: o aumento do número de seleções participantes para 32; e o gol de ouro em prorrogações, ou seja, a equipe que no tempo extra marcar primeira era a vencedora da partida.
O Brasil veio embalado pelo tetracampeonato na edição anterior. Contando com grandes craques, os brasileiros venceram a partida de estreia da Copa por 2 a 1 frente a Escócia. A equipe verde e amarela venceu também o segundo jogo por 3 a 0 frente ao Marrocos e foi derrotado no último confronto da fase de grupos pela Noruega por 2 a 1, ainda assim foi o primeiro do grupo A com seis pontos.
A anfitriã França estreou bem, vencendo a seleção da África do Sul por 3 a 0. Goleou também a Arábia Saudita por 4 a 0 no segundo jogo e no terceiro e final confronto da primeira fase, venceu a Dinamarca por 2 a 1, garantindo a liderança do grupo C, com nove pontos e 100% de aproveitamento.


Nas oitavas de final, grandes confrontos! O Brasil venceu bem o Chile por 4 a 1, classificando-se. A França fez uma partida duríssima frente a seleção do Paraguai. O gol só saiu no segundo tempo da prorrogação. Blanc aos 114 minutos de partida, fez o primeiro gol de ouro de Copas do Mundo. França também classificada. Os outros confrontos das oitavas foram: Nigéria 1 a 4 Dinamarca; Holanda 2 a 1 Iugoslávia; Argentina 2 a 2 Inglaterra (Argentina 4 a 3 nos pênaltis.); Itália 1 a 0 Noruega; Alemanha 2 a 1 México; e Romênia 0 a 1 Croácia. As equipes em negrito se classificaram às quartas de final.
Os oitos melhores da Copa se enfrentaram em jogos emocionantes pelas quartas de final. A França encarou outro jogo difícil contra a seleção italiana. Após 120 minutos de bola rolando, a rede não balançou e as cobranças de pênaltis foram necessárias para indicar o semifinalista da competição. França 4 a 3, e assim classificada às meias-finais.
O Brasil encarou a forte Dinamarca, apelidada neste mundial de "Dinamáquina". Os brasileiros venceram apertado por 3 a 2 e também garantiram suas vagas. A Holanda eliminou a Argentina por 2 a 1. E, por fim, os croatas surpreenderam a seleção alemã, goleando os germânicos por 3 a 0.
No primeiro jogo semifinal, Brasil e Holanda fizeram um grande jogo. Os gols saíram no tempo regulamentar, um tento para cada. Na prorrogação, nada de gols. Nos pênaltis, com grande atuação do goleiro Taffarel, o Brasil era o primeiro finalista, vencendo a disputa por 4 a 2. França e Croácia fizeram a segunda semifinal. Os franceses venceram por 2 a 1 e garantiu o país sede na final do mundial.
Disputando o terceiro lugar, Holanda e Croácia fizeram um belo jogo, onde os croatas venceram por 2 a 1 e garantiram o artilheiro da Copa 98, Suker com 6 gols.
No Stade de France lotado, Brasil e França fizeram a grande final do mundial. Antes do jogo, uma polêmica envolvendo o craque brasileiro Ronaldo, que, segundo a revista Placar, o atleta teve uma convulsão antes da partida final. Apesar do risco, o camisa nove foi para o jogo. A seleção francesa, repleta de craques como Zidane, Petit, Barthez atropelaram a seleção canarinho, vencendo seu primeiro título mundial com soberano placar de 3 a 0. Vitória merecida da França. Parabéns França Campeã Mundial 1998. Veja o pôster com os campeões!
 
Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

domingo, 28 de agosto de 2016

Campeões Históricos: Pôster Brasil Tetracampeão Mundial 1994

Disputada entre dos dias 18 de junho e 17 de julho, a Copa do Mundo de 1994 foi disputada nos Estados Unidos pela primeira vez, e nesta edição uma novidade: a vitória valendo três pontos, e não mais dois como era até então. No grupo A, os EUA com uma vitória e um empate se classificou às oitavas em terceiro lugar, para a alegria do país-sede.
O Brasil no grupo B estreou vencendo a Rússia por 2 a 0. Em seguida venceu bem a seleção de Camarões por 3 a 0 e encerrou a primeira fase empatando com a Suécia por 1 gol, garantindo assim o primeiro lugar da chave e consequentemente a vaga para os mata-matas.
O Grupo E, da Itália teve uma curiosidade: todos os participantes terminaram com quatro pontos e zero de saldo! Então, os classificados foram definidos no critério de gols marcados. México em primeiro com 3 gols feitos; em segundo a Irlanda, que embora ficara com o mesmo número de gols da Itália (2), no confronto direto venceu os italianos por 1 a 0. Em quarto e último ficaram os noruegueses, com 1 gol marcado.
Em partida válida pelas oitavas de final, o Brasil enfrentou os anfitriões dos EUA, que, com um gol solitário de Bebeto aos 27 minutos do segundo tempo, deu a classificação aos brasileiros. Os outros confrontos foram: Alemanha 3 a 2 Bélgica; Espanha 3 a 0 Suíça; Arábia Saudita 1 x 3 Suécia; Romênia 3 a 2 Argentina; Holanda 2 a 0 Irlanda; Nigéria 1 a 2 Itália; e México 1 a 1 Bulgária (1 a 3 nos pênaltis). Em negrito os classificados às quartas de final.


O Brasil enfrentou a difícil Holanda nas quartas. A seleção da América do Sul chegou a abrir 2 a 0 no placar com Romário e Bebeto. Os holandeses empataram com gols de Bergkamp e Winter, e permaneceu o placar em igualdade até os 36 minutos do segundo tempo, quando Branco, de falta, deu a vitória para os brasileiros. Outros jogos: Itália 2 a 1 Espanha; Bulgária 2 a 1 Alemanha; e Romênia 2 a 2 Suécia (4 a 5 nos pênaltis).
Bulgária e Itália se enfrentaram na primeira partida válida pelas semifinais do mundial. Os italianos venceram por 2 a 1 e se classificaram à final após 12 anos de hiato. Já o Brasil suou e muito para vencer a seleção da Suécia. Com gol solitário de Romário aos 35 minutos do segundo tempo os brasileiros voltavam enfim a uma final de Copa. Na partida pelo terceiro lugar, os suecos venceram os búlgaros por 4 a 0.
A grande final foi no estádio Rose Bowl em Los Angeles. Mais de 94 mil pessoal testemunharam o confronto entre dois tricampeões mundiais. Brasil e Itália fizeram um jogo difícil e sem gols em 120 minutos de bola rolando. Pela primeira vez uma Copa do Mundo é decidida nos pênaltis. Romário, Branco e Dunga marcaram e Márcio Santos perdeu a cobrança para o Brasil. Os italianos Albertini e Evani marcaram e Baresi, Massaro e Roberto Baggio (do último chute da Copa, que foi para o alto e tão comemorado pelo Brasil) desperdiçaram. Brasil 3 a 2 nos pênaltis. Brasil, até então o único tetracampeão mundial. Campeão após 24 anos. É Tetra! Parabéns Brasil Tetracampeão Mundial 1994. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

sábado, 27 de agosto de 2016

Pôster Barcelona Campeão Supercopa da Espanha 2016

Novamente Barcelona e Sevilla decidiram um título. Desta vez a Supercopa espanhola, disputadas entre o campeão espanhol e da Copa do Rei da temporada anterior (2015/16). Como o Barcelona conquistou ambas as competições, o Sevilla, vice-campeão da Copa nacional foi também finalista.
Na primeira partida, em Sevilha, o Barcelona venceu com gols de Suárez e Munir, levando uma boa vantagem para o segundo confronto, em Barcelona.
No segundo e decisivo jogo, no dia 17 de agosto, no Camp Nou, o time catalão não deu chances ao seu rival e venceu por 3 a 0, gols de Turan (dois tentos) e Messi. Parabéns Barcelona Campeão Supercopa da Espanha 2016. Veja o pôster com os campeões!


OBS.: Pôster eleito em votação na página no facebook.
Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Personalizado: Barcelona Bicampeão Copa do Rei 2015/16

O Barça conquistou com folgas sua segunda copa nacional consecutiva. Até as semifinais, o time venceu seu adversários por no mínimo três gols de diferença no placar agregado. A final foi contra o Sevilla em jogo único no estádio Vicente Calderón, no dia 22 de maio. A partida ficou no zero no tempo normal, e os gol só saíram na prorrogação. Alba abriu o marcador aos 7 minutos. Barcelona 1 a 0. Neymar, já nos acréscimos do tempo extra (17 minutos do segundo tempo) decretou o título para o clube de cores azul e grená. Parabéns Barcelona Bicampeão Copa do Rei 2015/16. Veja o pôster com os campeões!


OBS.: Este foi um pôster personalizado, ou seja, encomendado por um leitor. Você pode pedir o seu pôster DIGITAL pelo nosso e-mail postercampeao@gmail.com. No e-mail você consultará as condições para encomendar o seu.
Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster River Plate Bicampeão Recopa Sul-Americana 2016

Os millonarios conquistam mais uma Recopa Sul-Americana. E de forma consecutiva, já que venceu no ano passado. Este ano, como campeão da Libertadores de 2015, o River Plate enfrentou o Independiente Santa Fé-COL, campeão da Copa Sul-Americana em 2015.
A primeira partida disputada em solo colombiano, nada de gols. Partida totalmente aberta ao segundo jogo, ou seja a finalíssima. Este segundo confronto, disputado no dia 25 de agosto no Monumental de Nuñes, solo argentino teve ao três minutos o primeiro gol do River. Driussi marcou. Aos 51 minutos de 90, Alario ampliou para o time da Argentina. Salaberry aos 64 minutos diminuiu para os colombianos. Porém, o placar ficou em 2 a 1 e o River foi o campeão. Aliás, bicampeão! Parabéns River Plate Bicampeão Recopa Sul-Americana 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Campeões Históricos: Pôster Alemanha Tricampeã Mundial 1990

A Copa do Mundo de 1990, sediada na Itália de nove de junho a oito de julho teve 24 seleções buscando o título. Nossa seleção fez bonito em seu grupo C, vencendo seus três adversários: 2 a 1 Suécia; 1 a 0 Costa Rica; e 1 a 0 Escócia. Nas oitavas de final pegou a eterna rival, a Argentina, que em seu grupo B ficou na terceira colocação, atrás de Camarões e Romênia. O Brasil foi derrotado por 1 a 0, gol de Caniggia, e deu adeus à competição.
A seleção alemã venceu duas partidas (4 a 1 Iugoslávia e 5 a 1 Emirados Árabes) e empatou com a seleção colombiana por 1 gol. Com isso, a Alemanha se classificou à fase seguinte em primeira do seu grupo D, com cinco pontos. Nas oitavas de final, frente aos holandeses, classificou-se vencendo a partida por 2 a 1.
Os italianos, anfitriões, se classificaram às oitavas vencendo seus três jogos no Grupo A e se classificou às quartas de final batendo os uruguaios por 2 a 0.


Na fase de quartas de final, partidas difíceis. A Argentina venceu nos pênaltis por 3 a 2 a seleção da Iugoslávia e se classificou. A partida ficou sem gol em 120 minutos de bola rolando. A Itália também passou às semi vencendo a Irlanda por um gol. Gol único que também classificou os alemães frente aos tchecoslovacos. Já Inglaterra e Camarões foi o confronto com mais gols, cinco. Ingleses classificados, vencendo por 3 a 2.
Curiosa foi a semifinal da Copa 90. As duas partidas semifinais tiveram o mesmo resultado com bola rolando (1 a 1) e foram decididas nas penalidades máximas, onde seus vencedores também tiveram placares repetidos (4 a 3). Argentinos eliminaram os italianos, e os alemães derrotaram os ingleses. Na disputa do terceiro lugar, a Itália venceu a Inglaterra por 2 a 1, animando a torcida da casa.
Final de copa do mundo sempre tem muita expectativa. E neste mundial da Itália teve e muita. No Estádio Olímpico de Roma, mais de 70 mil pessoas acompanharam a decisão entre Alemanha e Argentina, que quatro anos antes já tinham feito a final, com vantagem dos sul-americanos.
Jogo truncado, a bola insistia em não entrar até os 40 minutos do segundo tempo, quando Brehme, de pênalti fez o gol do tri alemão. Parabéns Alemanha Tricampeã Mundial 1990. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Lanús Campeão Argentino 2016

O Lanús, clube com grandes feitos no futebol - conquistou títulos continentais como a Copa Sul-Americana - conquista o campeonato nacional de seu país, o Argentino. Campeão de sua zona (grupo), o time grená venceu a decisão e fez sua animada torcida feliz! Parabéns Lanús Campeão Argentino 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Peñarol Campeão Uruguaio 2015/16

O Peñarol grande clube do futebol uruguaio vence mais um campeonato de seu país. Valente e merecedor, o time conquistou o título de número 50, para a alegria de sua torcida. Parabéns Peñarol Campeão Uruguaio 2015/16. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Pôster Brasil Campeão Olímpico 2016

O Brasil conquista enfim seu título que ainda faltava: o ouro olímpico. Tudo começou bem estranho. As duas primeiras partidas empatadas em 0 a 0 contra a África do Sul e Iraque deixaram os torcedores, impacientes pelo que viram em campo, somada às tragédias de outrora. Precisando vencer para se classificar, os brasileiros tinham q vencer a seleção dinamarquesa. E venceu. Venceu com folgas. Quatro gols a zero. Brasil primeiro do grupo e classificado. Nas quartas de final, a Colômbia era a adversária. Jogo duro, e vitória brasileira por 2 a 0. Nas semifinais, o Brasil, anfitrião e favorito não decepcionou frente a Honduras, vencendo a partida com uma goleada de 6 a 0. Brasileiros na final frente a Alemanha. Alemanha. Nome que os torcedores brasileiros ainda têm traumas pela goleada sofrida na semifinal da Copa de 2014, no Mineirão por 7 a 1. Final no Maracanã. O Brasil saiu na frente com Neymar aos 26 minutos do primeiro tempo. Porém, os alemães empataram aos 14 do segundo com Meyer. Jogo duro. O empate permaneceu nos 120 minutos de jogo. Decisão por pênaltis. Os brasileiros acertaram todas as cobranças. Petersen desperdiçou a última do time alemão. Brasil Campeão Olímpico, para lavar a alma! Está bem, o futebol olímpico é preso nos regulamentos de apenas três atletas maiores de 23 anos em cada equipe, e o futebol nacional tem que melhorar e muito para ser o que já foi. Mas, deixemos isso para depois, pois esse título tem que ser, e muito festejado. Parabéns Brasil Campeão Olímpico 2016! Veja o pôster com os campeões!
 

OBS.: Parabéns também às meninas que ficaram em quarto nos Jogos do Rio 2016. Foram guerreiras e mostram que, se todos aqui, torcedores, cartolas, patrocinadores investirem na modalidade feminina, a seleção nacional sempre vai estar brilhando como sempre brilhou sem o apoio devido e merecido.
Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Real Madrid Tricampeão Supercopa da UEFA 2016

Os merengues confirmam seu favoritismo, por ser campeão da Liga dos Campões, ante ao seu compatriota Sevilla, campeão da Liga Europa. Porém, engana-se quem imaginou que essa terceira conquista madrilenha foi fácil. A final disputada na Noruega, o Real saiu na frente com Asensio aos 12 minutos de partida. O empate do Sevilla veio ainda no primeiro tempo com Vázquez aos 41 minutos. Na etapa complementar, o Sevilla virou com um gol de pênalti aos 72 minutos de jogo, com Konoplyanka. O título se encaminhava para o time campeão da Liga Europa até os acréscimos do tempo normal, quando Sergio Ramos empatou a partida para os merengues aos 48 minutos do segundo tempo. Prorrogação à vista. E, no tempo extra inteiro com um jogador a mais, o Real Madrid suou muito, e só derrotou o valente rival aos 29 minutos deste 30 adicionais. Real Tri. Parabéns Real Madrid Tricampeão Supercopa da UEFA 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Pachuca Campeão Mexicano (Clausura) 2016

O Pachuca coquista o Clausura 2016 tendo uma campanha louvável. Líder na primeira fase, nos mata-matas mostrou sua capacidade, e não perdeu nenhum jogo decisivo da segunda fase. Parabéns Pachuca Campeão Mexicano (Clausura) 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster CSKA Moscou Campeão Russo 2015/16

Grande clube russo, o CSKA conquista mais uma liga nacional. Parabéns CSKA Moscou Campeão Russo 2015/16. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

sábado, 6 de agosto de 2016

Pôster Atlético Nacional Bicampeão Libertadores 2016

O Atlético Nacional conquista de forma honrosa sua segunda Copa Libertadores. Na fase de grupos foi o líder de sua chave, o agrupamento 4, com 16 pontos, vencendo cinco e empatando apenas um jogo, frente ao argentino Huracán, o outro classificado do grupo. Nas oitavas de final, o adversário da vez era o já conhecido Huracán, onde os colombianos já os enfrentaram na fase anterior. Na Argentina, empate em 0 a 0. Já na Colômbia, o Atlético venceu por 4 a 2 e avançou às quartas de final, onde enfrentou outro argentino, o Rosario Central. A primeira partida novamente foi em solo portenho, com vitória do Rosario por 1 a 0. Na partida decisiva, em casa, os atleticanos venceram por 3 a 1 e avançaram às semifinais.
Desta vez, o adversário era o São Paulo, clube brasileiro que de quase eliminado na primeira fase, chegara até ali com grandes chances. Porém, os colombianos não deram chances aos brasileiros. A primeira partida, em solo tupiniquim, terminou com vitória do Atlético Nacional por 2 a 0. Uma grande vantagem levada na bagagem. Em solo colombiano, os atleticanos garantiram a vaga vencendo novamente, com o placar de 2 a 1.


Mais de 25 anos após seu primeiro título, o Atlético tinha novamente a chance de ganhar mais uma Libertadores. A final, contra o raçudo time equatoriano Independiente del Valle foi bem equilibrada. Curiosamente, esta decisão não contou nem com clubes do Brasil nem da Argentina, fato que ocorreu pela última vez na edição de 1991, entre Colo-Colo do Chile e Olímpia do Paraguai.
Em campo, a primeira partida jogada em solo equatoriano terminou empatada em um gol. Mina marcou para o Independiente, e Berrío para o Atlético. A finalíssima, em Medellín, Colômbia, contou com um ótimo público de 46 mil espectadores. E, com o gol solitário de Borja, o Atlético Nacional conquista seu bicampeonato! Parabéns Atlético Nacional Bicampeão Libertadores 2016. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Nova Zelândia Pentacampeã Copa das Nações da Oceania 2016

A Nova Zelândia volta a conquistar o campeonato continental de seleções da Oceania. Com um futebol visivelmente melhor, os neozelandeses garantem o quinto título da região da OFC. Parabéns Nova Zelândia Pentacampeã Copa das Nações da Oceania 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster São Raimundo Campeão Roraimense 2016

O São Raimundo conquista com muito mérito o campeonato estadual de Roraima. Parabéns São Raimundo Campeão Roraimense 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Pôster Gurupi Campeão Tocantinense 2016

O Gurupi conquista mais um título estadual, exatamente o sexto de sua história. Classificado em terceiro na primeira fase, o Gurupi eliminou o Interporto na semifinal, vencendo o primeiro jogo por 1 a 0 e garantindo sua classificação no empate em 0 a 0 no segundo confronto.
Na decisão estadual, o adversário era o Tocantins de Miracema. Com a primeira partida terminada empatada sem gols, tudo foi resolvido no segundo e decisivo embate. E deu Gurupi campeão, vencendo a final por 3 a 2. Parabéns Gurupi Campeão Tocantinense 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster River Tricampeão Piauiense 2016

O River conquista seu terceiro campeonato consecutivo do Piauí com muito mérito, mas também com muita polêmica. Com a bola rolando, o River conquistou a Taça Estado do Piauí (equivalente ao primeiro turno) vencendo a final frente ao Picos: 2 a 0 e 1 a 1. Com isso, o clube de Teresina já garantira a vaga na decisão estadual. O segundo turno do estadual, denominado Taça Cidade de Teresina, teve sua decisão entre River e Altos da cidade homônima. Na primeira partida, o River venceu em casa por 1 a 0. O segundo jogo teve como vencedor o Altos, que jogando em casa, venceu por 3 a 1. No placar agregado de 3 a 2 o Altos se sagraria campeão do returno e enfrentaria novamente o River, em jogos válidos na decisão do Piauiense 2016. Porém, por ter escalado o zagueiro Victor Bafana, segundo o TJD-PI, irregularmente, pois o atleta estava suspenso por ter acumulado três cartões amarelos.
Com isso, o River foi declarado campeão do segundo turno, e consequentemente campeão estadual, por ter vencido também o primeiro. Parabéns River Tricampeão Piauiense 2016. Veja o pôster com os campeões!

 
Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Pôster Portugal Campeão Eurocopa (Europeu) 2016

Histórico! Não só para os portugueses, mas também para o futebol em geral. Frequentemente nas semifinais europeias, a seleção portuguesa queria, e muito, a inédita conquista da Euro 2016. Na edição atual, sediada na França, os lusitanos se classificaram em terceiro colocado do grupo F, onde Hungria e a surpresa Islândia ficaram à sua frente. A Áustria foi a eliminada e última colocada deste grupo, com apenas um ponto somado.
Nas oitavas de final, Portugal passou pela Croácia com um gol suado de Quaresma na prorrogação. Classificado, mais uma vez, os portugueses fizeram um jogo emocionante válido pelas quartas de final, onde conseguiu sua vaga às semifinais, derrotando nos pênaltis a seleção polonesa por 5 a 3, já que em 120 minutos de bola rolando, empataram em 1 gol.
Em jogo válido pela semifinal, Portugal derrotou a seleção de País de Gales por 2 a 0, e garantiu vaga na finalíssima, com gols da fera, Cristiano Ronaldo e Nani.
Na decisão da Eurocopa, o adversário da vez era a seleção francesa, a anfitriã que despachara a Alemanha por 2 a 0 na partida anterior. Com um jogo emocionante, o gol do título só foi sair na prorrogação. Aos 19 minutos de tempo extra, Éder marca, garantindo assim o título inédito de campeão europeu a Portugal. Parabéns Portugal Campeão Europeu 2016. Veja o pôster com os campeões!

 
Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

domingo, 10 de julho de 2016

Pôster Rondoniense Campeão Rondoniense 2016

Fenomenal! O Rondoniense conquista seu primeiro campeonato estadual, marcando seu nome na história por alguns aspectos principais. Primeiramente pelo motivo de surgimento da equipe em 2010, o Rondoniense Social Clube surgiu com o intuito de integrar a sociedade no esporte. O segundo aspecto é que, foi neste ano de 2016 que o clube estreou em um campeonato profissional adulto e já conquistou o título. E, por fim, a conquista em si. O Rondoniense foi campeão invicto e de modo antecipado. Em 18 jogos disputados, ganhou 10, empatou oito, marcou 38 gols e teve saldo de 29 tentos. Venceu o primeiro e o segundo turno, garantindo a taça e sua classificação para a Série D deste ano, e vagas em 2017 para a Copa do Brasil e para a Copa Verde. Histórico! Parabéns Rondoniense Campeão Rondoniense 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Campinense Bicampeão Paraibano 2016

O Campinense triunfa pelo segundo ano consecutivo no campeonato de seu Estado, mostrando assim, que a força da equipe é muito grande, como também o apoio de sua torcida. Parabéns Campinense Bicampeão Paraibano 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

terça-feira, 28 de junho de 2016

Pôster Chile Bicampeão Copa América 2016

O Chile vem mostrando que é uma das (se não a primeira) forças do futebol sul-americano na atualidade. Com uma equipe que joga valorizando o conjunto, os chilenos conquistaram o bicampeonato da Copa América, desta vez nos Estados Unidos, numa edição em comemoração ao centenário do torneio. O Chile eliminou com grande estilo seus adversários até enfrentar, pela segunda vez consecutiva, a seleção argentina na decisão.
O jogo final foi belo, porém sem gols no tempo normal e na prorrogação. Nos pênaltis, como em 2015, o chile conquistou mais uma Copa América, novamente deixando a Argentina na segunda colocação.
Parabéns Chile Bicampeão Copa América 2016. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

domingo, 29 de maio de 2016

Pôster Real Madrid Campeão Liga dos Campeões da UEFA 2015/16

Suor, lágrimas, câimbras e emoção. Palavras que resumem o que foi esta Liga dos Campeões. O time merengue é sempre favorito a levantar a taça de maioral da Europa, já que é especialista em triunfar no continente. Porém, o Real teve que enfrentar na grande final, em Milão o seu rival madrilenho, o famoso Atlético.
Atlético comandado pelo técnico Simeone, que eliminou grandes clubes no caminho até chegar à decisão, e era o time osso duro de roer que o Real Madrid teria que bater para conquistar sua 11ª Liga. Em campo, o Real saiu na frente, mas o Atlético conseguiu empatar e levar o jogo para a prorrogação. No tempo extra, nada de bola na rede, e assim, a decisão da Champions seria nos pênaltis.
Nas penalidades, o Real converteu todas as suas cobranças (cinco), enquanto o Atlético chutou uma na trave, e já eliminado, não precisou bater seu último (converteu três). Com isso o Real é o maioral! Parabéns Real Madrid Campeão Liga dos Campeões da UEFA 2015/16. Veja o pôster com os campeões!

 
Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

sábado, 28 de maio de 2016

Pôster Sevilla Pentacampeão Liga Europa 2015/16

O Rei da Liga Europa! Esta poderia ser uma honraria dada ao clube espanhol que mais ganhou taças na história da segunda competição mais importante da Europa. O Sevilha conquistou seu pentacampeonato com um bi consecutivo ainda pela Copa da UEFA (2005/06 e 2006/07), e agora com o tri seguido do atual formato (2013/14, 2014/15 e 2015/16).
Não é para qualquer um vencer três vezes consecutivas a Liga Europa, ainda mais batendo o Liverpool por 3 a 1 na decisão jogada na cidade suíça da Basileia. Porém, o Sevilla é o rei da Liga, um time que sabe se portar jogo a jogo até conquistar o triunfo maior. Parabéns Sevilla Pentacampeão Liga Europa 2015/16. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Barcelona Bicampeão Espanhol 2015/16

O Barça, grande clube situado na cidade homônima da região da Catalunha conquista seu bicampeonato espanhol com muita emoção. Com uma disparada no início, o clube chegou a ter seu título ameaçado, e até a última rodada da La Liga, corria riscos de morrer na praia. Porém, o timaço recheado de estrelas como Iniesta, Neymar, Suárez e Messi trataram logo de dar aos torcedores apaixonados do Camp Nou mais uma de inúmeras alegrias. Parabéns Barcelona Bicampeão Espanhol 2015/16. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Pôster Benfica Tricampeão Português 2015/16

O Benfica conquista sua terceira Primeira Liga consecutiva do jeito que os torcedores gostam: com muita vontade! A torcida vermelha vibrou e festejou muito o triunfo de mais uma taça nacional do clube português. Parabéns Benfica Tricampeão Português 2015/16. Veja o pôster com os campeões!


Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao