domingo, 5 de fevereiro de 2017

CampHist: Pôster Criciúma Campeão Copa do Brasil 1991

Disputada entre os meses de fevereiro a junho de 1991, a terceira edição da Copa do Brasil contou com o primeiro campeão que surpreendeu positivamente a todos. O Criciúma colocou o futebol catarinense na galeria de troféus da taça nacional e de quebra disputou sua primeira Libertadores em 1992.
Porém, o caminho não foi fácil. Na primeira fase, os catarinenses enfrentaram a equipe do Ubiratan-MS. Empatando fora, e goleando em casa, no Heriberto Hulse por 4 a 1, o Criciúma passou para a fase seguinte.
Nas oitavas, o adversário da vez era o grande Atlético-MG. Aguerrido, o Criciúma venceu em casa por 1 a 0. Quem achou que o time catarinense tinha parado por aí, no Mineirão, venceu os atleticanos pelo mesmo placar da ida e garantiu a vaga para as quartas de final.


Abrindo a nova fase, o Criciúma foi a Goiânia enfrentar o Goiás, empatando sem gols. Já no Heriberto Hulse, o time sulistas passou por cima dos goianos como um rolo compressor, vencendo por 3 a 0. Na semifinal, venceu o Remo por 1 a 0 fora de casa e venceu por 2 a 0 em solo catarinense, garantindo vaga na grande final.
Final esta em que teve o Grêmio, - primeiro campeão da Copa do Brasil em 1989 - fazendo o primeiro jogo no Estádio Olímpico com mais de 30 mil pessoas. Porém, o Criciúma não se intimidou, e abriu o placar com Vilmar, aos 15 minutos do primeiro tempo. O Grêmio conseguiu empatar somente aos 38 minutos do segundo tempo com gol de Maurício.
No dia 02 de junho, um domingo, o Estádio Heriberto Hulse, com mais de 19 mil espectadores estava pronto para receber o grande campeão de 1991. Porém, a rede não balançou, e como o time catarinense havia feito gol fora de casa, levou a taça com o empate em 0 a 0. Grande festa em Criciúma para os guerreiros! Parabéns Criciúma Campeão da Copa do Brasil 1991. Veja o pôster com os campeões!

Curta, siga e compartilhe nossa página no Facebook. Acesse: www.facebook.com/postercampeao
Siga também nosso perfil no Twitter: @postercampeao

Nenhum comentário:

Postar um comentário